A Noite Do Vampiro

Os vampiros não são mais seres medonhos e ladrões de sangue como Bram Stoker descreveu em seu clássico Drácula, de 1987. Hoje, eles tomaram conta do imaginário popular e são febre entre nove de dez adolescentes, passaram do mito de medo para figuras pop contemporâneas. Em A Noite do Vampiro (2006), do animador Alê Camargo, o vampiro também é uma figura comum, urbana e acima de tudo, divertida.

A Noite do Vampiro é uma versão paulista de um Nosferatu atrapalhado. Assim que resolve deitar em seu leito, o vampiro se vê acoado por um predador muito pior que ele mesmo. A animação é recheada de detalhes cômicos que mesmo as vezes beirando a pieguice arranca algumas boas risadas.

O animador Alê Camargo trabalha com 3D desde 1996 e concebeu A Noite Do Vampiro juntamente com a Buba Filmes, sua produtora. Ganhou vários prêmios com o curta que, com uma atmosfera noir e uso de piadas pastelão, fez jus ao público do Anima Mundi de 2007.


Todas as informações e opiniões publicadas no interrogAção não representam necessariamente a opinião do portal, e são de total responsabilidade dos seus respectivos autores.
 
Este post foi publicado emCurta do Mês e tags , , , , , , , , , , . Bookmark o permalink. Comentar ou deixar um trackback:Trackback URL.


Comentar

Seu email nunca será publicado ou distribuído. Campos obrigatórios estão marcados com *

*
*

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Spirallab