Oficina AMP na Lata, em Curitiba

A Oficina AMP na Lata, que acontece desde o carnaval de 2011 no Rio e agora tem a sua edição curitibana, vai ensinar a montar um mini-amplificador de som. É um circuito simples, que pode ser feito com facilidade até por leigos. Para quem tem vontade de aprender a confeccionar seus próprios acessórios musicais, este é um ótimo começo. Para quem já tem conhecimento de eletrônica, vai ser uma boa oportunidade para conhecer pessoas com o mesmo interesse, trocar experiências e aprender a montar mais um circuito.

A ideia da Oficina AMP na Lata é que cada aluno da oficina saia com pelo menos um mini-amp construído. Ele funciona com uma bateria de 9V e é portátil, o que facilita a vida de quem quer tocar música em qualquer lugar. É simples: tem uma entrada de audio P10, aquela comum que tem nos fones de ouvido e guitarras, e um auto-falante de 8 ohms, comum em caixinhas de computador e outros aparatos parecidos. O corpo do seu mini-amp fica a seu critério, mas nós aconselhamos fortemente a usar as clássicas latas de batata frita, que dão um resultado estético legal e uma boa dinâmica sonora.

Nos reuniremos no dia 21 de janeiro das 15h às 18h e no dia 22 das 16h às 19h no 92 Graus (Av. Manoel Ribas 108, Curitiba). Para fazer a inscrição, envie um e-mail com seu nome e telefone para ampnalata@gmail.com , que enviaremos as instruções para o pagamento da taxa. O custo por aluno é de R$50, com as peças e materiais inclusos. As vagas são limitadas!

Texto enviado por Tiago Rubini

oficina AMP na Lata


Todas as informações e opiniões publicadas no interrogAção não representam necessariamente a opinião do portal, e são de total responsabilidade dos seus respectivos autores.
 
Este post foi publicado emNotícias, Notícias de Eventos e tags , , , , , , . Bookmark o permalink. Comentar ou deixar um trackback:Trackback URL.


Comentários

  1. […] dos integrantes do Bloco Lo Fi, Tiago Rubini, já está ensinando Amps na Lata em Curitiba, fazendo oficina numa lojinha de LPs, bem no clima do Plano […]

Dossiê Daniel Piza
Spirallab