Casa Selvática tem mês dedicado à antropofagia, ao desbunde e ao teatro de revista brasileiro

As_Tetas_de_Tiresias-Vamos-esbofetear-Ulisses

Dando continuidade à programação de outubro da Casa Selvática, que neste mês recebeu importantes nomes na discussão a respeito da identidade nacional, como o bailarino carioca André Masseno (que circula o país com seu solo O Confete da Índia) e a performer Giorgia Conceição (curitibana que apresentou seus números burlescos no evento Folia no Matagal). No próximo dia 17 de outubro o grupo curitibano O Estábulo de Luxo estreia a peça As Tetas de Tirésias – Vamos esbofetear Ulisses, com direção de Gabriel Machado e roteiro de Ricardo Nolasco.

O espetáculo cuja primeira versão estreou no Festival de Curitiba de 2012 e em 2014 — através do Prêmio Funarte de Teatro Myriam Muniz 2013 viaja o Brasil — é uma livre adaptação do drama surrealista do escritor francês Guillaume Apollinaire, que rememora com humor e distanciamento histórico os áureos tempos do teatro de revista e de rebolado (as variedades nacionais), que na década de 30, 40 e 50 agitavam o teatro brasileiro. Segundo o roteirista Ricardo Nolasco “a história oficial do teatro brasileiro não valorizou este formato teatral e sua característica extremamente popular”, nos últimos anos ele tem centrado seu trabalho em transportar essa proposta cênica para os dias de hoje, recebendo influências do mundo contemporâneo e da arte experimental. A potência do contato direto com o público, e também por este reunir várias linguagens, como a música, a dança e o teatro estão entre as motivações do roteirista.

Diferentemente das outras duas versões já apresentadas em Curitiba (uma no Festival de Curitiba em 2012 e outra na 8ª Mostra Cena Breve), assim como em Belo Horizonte no 13º Festival de Cenas Curtas, esta é protagonizada por três atrizes: Danielle Campos (atriz e diretora já destacada por suas atuações nas outras versões de As Tetas de Tirésias e em Wunderbar, espetáculo do grupo que foi apresentado no Festival de Curitiba deste ano), Leonarda Glück (atriz, diretora e dramaturga curitibana fundadora da extinta Companhia Silenciosa) e Patricia Cipriano (já premiada com o Troféu Gralha Azul, um dos destaques da safra de jovens artistas da cidade). As atrizes, presas em um mundo de representação e decadência, se revezam em papéis e situações na busca de recontar a história de Tereza, mulher que abandona o marido e se torna homem para ser soldado na revolução, chamando-se Tirésias.

“Tudo que acontece em cena é como que uma brincadeira entre essas atrizes, vedetes do antigo teatro de revista, decaídas e já cansadas de representar os mesmos papéis. Assim, a gente vai encontrando um modo de trazer para os nossos dias as discussões apresentadas no texto original, sempre brincando com essa referências aos clássicos do teatro, de Apollinaire a Heiner Müller”, conta a atriz Danielle Campos.

O espetáculo, relembrando a estrutura de quadros do teatro de variedades, todos os dias é aberto por um convidado diferente que realiza uma cena, entre estes já estão confirmados nomes como as atrizes Silvia Monteiro e Simone Magalhães, o poeta Ricardo Corona e Delminda Nolasco, avó do roteirista.

Serviço:

As Tetas de Tirésias – Vamos esbofetear Ulisses

Com Danielle Campos, Leonarda Glück, Patricia Cipriano e artistas convidados

Datas e horários: de 17 de outubro a 03 de novembro, de quinta a sábado às 21h e domingos às 20h

Local: Centro Ccultural Casa Selvática – Rua Nunes Machado, 950

Gênero: Teatro de variedades

Valor: R$ 10,00 (preço sugerido)

Capacidade máxima do espaço: 15 lugares

Duração: 60 minutos

Classificação: 16 anos

Site: selvaticaacoesartisticas.wordpress.com

Telefones: (41)30135188 / 96115910

A bilheteria abre às 19h, juntamente com o café selvático, venha beber algo adequado para a primavera.

Vagas pra estacionamento na rua em frente à Casa Selvática. Temos estacionamento para bicicletas.


Todas as informações e opiniões publicadas no interrogAção não representam necessariamente a opinião do portal, e são de total responsabilidade dos seus respectivos autores.
 
Este post foi publicado emNotícias de Eventos e tags , , , , , , , . Bookmark o permalink. Comentar ou deixar um trackback:Trackback URL.


Spirallab