Novembro 2014 | Editorial

Há um espaço vazio den­tro do por­tal
Onde cresce as teias
E ago­ra eu vou te atu­alizar
Vou te atu­alizar

(Mod­i­fi­cação espon­tânea da letra Lotus Flower, do Radio­head)

Tiran­do as teias e o mofo do edi­to­r­i­al, assim como do por­tal inter­ro­gAção, volta­mos a atu­al­izá-lo men­salmente, ago­ra tam­bém brin­can­do com novos for­matos.

Para este mês reser­va­mos vários assun­tos inter­es­santes, como uma entre­vista espe­cial com o Rafael Spaca, autor do blog Os Cur­tos Filmes, um dos maiores blogs nacionais sobre cur­tas, e o respon­sáv­el pelo pro­je­to “Rua do Tri­un­fo — a vol­ta”, local que foi um grande mar­co no Cin­e­ma Nacional.

Falan­do em cin­e­ma, ressusitare­mos a seção do Cin­e­ma Clás­si­co com uma análise microscópi­ca do filme “O Vagabun­do, do queri­do Charles Chap­lin, feito pelo nos­so mais novo colab­o­rador Cicero Pedro. No final de out­ubro tam­bém volta­mos com o Cur­ta Da Sem­ana, com o “Dese­jo”, de Anne Pin­heiro Guimarães, e vamos dar con­tinuidade focan­do nos cur­tas nacionais, sendo um dele sobre o futuro do cin­e­ma. Tam­bém volta­mos a escr­ev­er sobre algu­mas estreias de filmes, como foi o caso de “Boy­hood: Da Infân­cia à Juven­tude”, de Richard Lin­klater.

Em Lit­er­atu­ra, vamos ter uma resen­ha do “As Vir­gens Sui­ci­das”, de Jef­frey Eugenides, e con­tin­uan­do em livros, quem mel­hor para resen­har um livro de poe­sia do que um poeta? Ter­e­mos a resen­ha da Mar­il­ia Kub­o­ta do “Poe­ma Sujo”, de Fer­reiro Gullar.

Tam­bém vamos estrear uma nova série de arti­gos sobre finan­cia­men­to cole­ti­vo, mas ain­da não vou entre­gar mais detal­h­es para man­ter a sur­pre­sa no ar. Mas as novi­dades não param por aí! No final de novem­bro, vamos para São Paulo faz­er uma pas­sagem pela Bal­a­da Literária 2014!


Todas as informações e opiniões publicadas no interrogAção não representam necessariamente a opinião do portal, e são de total responsabilidade dos seus respectivos autores.
 
Este post foi publicado emEditorial e tags , , , , , , , , , . Bookmark o permalink. Comentar ou deixar um trackback:Trackback URL.


Spirallab